Hoje eu queria te dar

Hoje eu queria te dar.

7

Não, não quero fazer amor, obrigado. Quero uma boa e verdadeira foda. Preciso levar uma surra de sexo. Daquelas em que a gente sai dolorida, porém satisfeita. Cansada, mas leve. Estou com vontade de me perder e não mais me encontrar, de gritar sem me preocupar se estou sendo ouvida. Tudo isso para acender um cigarro de liberdade, dormir o sono do gozo, relaxar após o orgasmo.

Quero dar com vontade, abraçar o teu membro com força e calor. Aquecer teu corpo, compartilhar o suor, transgredir o óbvio, lubrificar a alma, invadir o teu senso de racionalidade. Na hora H, não há espaço para a razão. O tesão é passional.
5
Preciso dar de uma forma violenta, afinal a dor e o prazer são parceiros sexuais e eu adoro participar dessa orgia de sensações. Mordidas, puxões de cabelo e até uns tapas são permitidos. Não há limites para gozar e eu quero mais, exijo a felicidade para o meu corpo.
Vou dar durante horas. Não irei abandonar a pele daquele homem, sem a garantia do meu riso de alívio, sem deixar marcas do meu néctar de prazer por toda parte, sem que ele leve daqui o meu gosto na boca. Vou dar meu amor, minha vontade, minha língua e meu sexo. Vou me entregar por inteira, pois só assim, serei eu mesma.
Vou dar aquilo que é teu, que já conquistaste, já dominaste. Me pega, me bate me xinga e me ama. Me usa, me joga, me fode. Me morde, me beija, me ganha. Não quero suavidade, preciso de intensidade. Não me venha com romantismo, estou louca é pelo fogo da carne, pela paixão na pele.
Quero dar de quatro, de pé, por baixo, por cima, de lado, sentada. Quero ser tua e quero te comer. Degustar cada parte do teu corpo, lamber cada gota do teu prazer. Quero dar, para lembrar como sou feliz e também para esquecer de como é triste a vida sem teu cheiro. Não, não quero libido sem pecado, gosto mais do proibido. E não me venha com amor consumado, transa com meias ou pudor no lugar de malícia. Entenda que minha necessidade rima com liberdade.
8
Preciso me dar esse presente.
Quero te dar.
Beijo, te amo
Fotos: SwannSong’s Erotica
Fonte: Chico Garcia

Comentários